Histórias da Família...

Nascido aos 30 de maio de 1872 na cidade de Bastiglia, província de Modena, Itália. Foi o 5º filho do casal Giovanni Malagoli e Clotilde Serri,ou ainda, Serra Zanetti como também se encontra em alguns registros. Antes dele nasceram os irmãos Ernesta, Giulia, Cesare e Egidio.

Quinto ficou orfão de pai no ano de 1884 com apenas 12 anos de idade. Em 1888 juntamente com a mãe e mais cinco irmãos imigraram para o Brasil. A irmã Ernesta, a mais velha, ficou na Itália e Giulia já havia falecido muito nova em 1876.

Na Itália, ficaram também cunhados, sobrinhos e familiares que muito torceram e que cheios de esperança deram forças para Clotilde e família lutarem para se fixar no novo pais da "MERICA" chamado Brasil. Aqui,  a família se fixou primeiramente em São Carlos do Pinhal, hoje, São Carlos no estado de São Paulo. Depois foram para Araraquara e Matão,  todos municípios vizinhos.

Quinto Malagoli conheceria Luiza Dalla Dea com quem se casaria em Araraquara no ano de 1897. O casal teve 9 filhos. Ezio foi o primeiro e curiosamente foi apelidado de Raul. Depois viria Olga, Arnaldo, Dirce, Ito, Ado, Elcio, Alcides e Hilda a caçula, nascida em 24/06/1913 e falecida em 1931. Quinto Malagoli, infelizmente teve uma vida curta, falecendo aos 42 anos de idade em 1914. Nesta época era capataz de uma fazenda onde ao ser invadida por ladrões estes o assassinaram. Quinto faleceu vitimado por uma hemorragia. Luiza Dalla Dea, viúva, com os filhos todos menores se desnorteou e depois de muito batalhar no interior para sobreviver resolveu vir para São Paulo. Em São Paulo, as dificuldades foram ainda maiores. A filha Olga foi a primeira a começar a trabalhar em uma fábrica de fitas para ajudar a família, depois todos os filhos foram tomando os seus rumos com muito sacrifício e determinação. Luiza Dalla Dea viveu até os 92 anos morando em São Paulo com as filhas Olga e Dirce. Quinto Malagoli apesar de sua vida curta, deixou muitos descendentes que em agradecimento lutam para reunir informações e reconstituir um pouco de sua vida de imigrante italiano que veio para o Brasil cheio de esperança em uma vida melhor.